Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

docarlos

docarlos

15.11.15

POVOS DE PRIMEIRA E POVOS DE SEGUNDA


docarlos.blogs.sapo.pt

LAMENTAVEL Que gente inteligente, gente de esquerda, gente que grita bem alto que vota CDU, tenha colocado hoje a sua foto de perfil nas redes sociais, com a bandeira de França como pano de fundo. Então, e nos outros dias todos, não o fazem com as bandeiras da Siria, do Iraque, da Libia ou da Palestina? Há povos de primeira e de segunda? Sabem porque estou indiferente aos atentados? Porque aqueles que por lá choram, ou mesmo as vitimas, são os que se sentam no sofá ou no café, a ver televisão e a ler os jornais, e a gabar os herois pilotos da Força Aerea francesa, que despejam toneladas de bombas em cima do povo sírio. Posso lamentar as vitimas de ontem, mas quero que TODO mundo saiba, que lamento muito mais a guerra e as suas vitimas onde os franceses a fazem. Enfim......., hipocrisias!

3 comentários

  • Se alguém estrangeiro, não imigrante, gosta da França, sou eu. Se me perguntarem, se fosse forçado a sair de Portugal, para onde iria?!, responderia sem exitar: França.
    No entanto, não posso tolerar tanta hipocrisia, quer dos franceses, quer de outros.
    Quem semeia ventos, colhe tempestades, e a França, está a pagar a factura.
  • Sem imagem de perfil

    uniondes peuples

    15.11.15

    Amigo e Companheiro de Combate Carlos Alberto: não se trata de hipocrisia dos povos francêses -- eles estão tão alienados como os portuguêses e a maior parte dos outros. A hipocrisia està nos seus dirigentes !!! Ora, estes são os lacaios fieis das mafias do imperialismo financeiro. Os francêses votam neles com a mesma cegueira como os portuguêses votam no PS e no PSD. Eis a monstruosa mascarada parlamentarista que a burguesia capitalista meteu em pratica!!!
    Quanto a mim, sou internacionalista; portanto os paises, como as fronteiras, são inimigos da consciencia-em-si. Porem, porque latino e celta-ibero, em França encontrei as afinidades familiares que nunca descobri nos outros paises -- excepção para o Brasil, que me assustou pelo seu heteroclitismo.
    As melhores saudações revolucionarias, desde
    Pornichet ( 44380 ), 15/11/2015 José Rocha da Fonseca.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.